sexta-feira, 24 de junho de 2016

SÃO JOÃO DE VILELA

Vilela e São João são indissociáveis.
Anualmente, numa festa onde o sagrado e o profano se confundem, Vilela recebe o povo de Gondar para festejar este santo popular. 


Capela de São João Baptista
Lugar de Vilela (Gondar - Amarante)

O espaçoso largo, que se estende da capela ao fontanário, é o palco dos festejos: ao lado do tanque, a tradicional “cascatinha de S. João”, não fosse ele o Baptista; defronte, o palco de onde um grupo de música popular anima o baile que se estende noite fora; e, no extremo oposto, o pequeno templo que alberga o santo, onde, no dia 24 de junho, é celebrada missa em sua honra.
A capela que lhe é dedicada, data do séc. XVIII e possui um belo retábulo em talha de madeira dourada e policromada,um apreciável exemplar do barroco joanino. A imagem do santo, também barroca, remonta à mesma época.


Caminho para Cimo de Vila (Vilela - Gondar)
Vilela - Vista Panorâmica

Mas Vilela não é apenas São João. Com um passado que remonta à romanização, Vilela criou uma identidade muito própria: a capela e a casa senhorial da Barroca, o que resta do antigo Calvário, as casas rústicas exemplarmente restauradas, as reminiscências de uma próspera comunidade agrícola, os velhos espigueiros empoleirados nos outeiros, fazem de Vilela um lugar apetecível, asseado, bonito de se ver.
Miguel Moreira

Sem comentários:

Enviar um comentário